14º salário: prêmio ou punição

Nem em ano eleitoral diminui a cara de pau do prefeito Eduardo Paes. O processo eleitoral não intimida o alcaide do Rio de Janeiro que segue atacando os profissionais de educação.
Esta semana que passou a prefeitura carioca publicou uma lista com as escolas em que seus professores e funcionários receberão o 14º salário. Uma espécie de gratificação paga aos educadores da ativa. Os critérios para tal “benefício” são medidos pelos índices de aprovação, reprovação e evasão dos alunos. Uma forma de responsabilizar os profissionais pelo desempenho dos alunos que são vítimas das péssimas condições de ensino oferecida pela prefeitura.
Mas mesmo nestas escolas só receberão integralmente a gratificação aqueles e aquelas que não tiveram faltas no ano de 2011. Não há descriminação se a falta foi justificada ou não. Desta forma só recebem integralmente o valor do 14º salário quem não ficou ou não teve algum dos parentes mais próximos doentes ou falecidos.
Então, ao final das contas, depois deste rigoroso filtro, apenas um setor minoritário das trabalhadoras das escolas e creches municipais receberá o “benefício”. Um escárnio com a categoria que trabalha com excesso de alunos, uma falta crônica de pessoal nas unidades escolares e em terríveis condições de salário e trabalho.
Este 14º deveria ser extensivo a todos e todas. Sem nenhuma descriminação com quem está na ativa ou aposentada. Independente do desempenho dos alunos e suas reais dificuldades. As educadoras das escolas e creches do Rio não podem ser responsabilizadas, não podem ser punidas pela incompetência da administração municipal e pela política de Paes de redução de investimentos e desvios de verbas para a iniciativa privada.
A prefeitura pode e deve pagar este valor para todos os profissionais de educação, pois tem dinheiro para distribuir aos banqueiros, empresários e empreiteiros. Não podemos permitir que mais esta injustiça seja cometida contra a categoria. Nossa obrigação além da denúncia é mobilizar todas as escolas e creches para conquistar o 14º para todos. Está em nossas mãos desmascarar Eduardo Paes e conquistar melhores salários, condições de trabalho, um 14º salário que não seja uma gratificação e que todos tenham o mesmo direito de recebê-lo. Unidos como categoria e organizados pelo Sepe-RJ podemos lutar contra mais esta arbitrariedade.

Uma resposta »

  1. this is very useful article for many users. thanks for putting across these details in this article. lista de email lista de email lista de email lista de email lista de email

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s